transformação social transformação social

Como professores bem formados podem ser agentes de transformação social?

6 minutos para ler

Praticamente todo mundo tem a lembrança de um ou mais professores, não é mesmo? Alguém de quem nos lembramos, seja por um vínculo emocional que se fez ou pelo exemplo de conduta, ética ou conhecimento. De alguma forma, essas pessoas nos tornaram alguém melhor.

Esses professores também tiveram, eles próprios, de passar por uma boa formação, aprendendo com outros mestres capacitados. A multiplicação desses profissionais, que atuam dispostos a fazer a diferença na arte de lecionar pode constituir um verdadeiro círculo virtuoso transformador da sociedade.

Neste artigo, vamos falar mais sobre como os professores são relevantes para a construção de dias melhores e de que forma contribuem para isso, inclusive aplicando conceitos da pedagogia. Acompanhe!

Qual é a importância desse profissional na sociedade?

Os primeiros laços entre a criança e um professor são estabelecidos logo nos primeiros anos de vida. Sempre em parceria com a família, um bom profissional acolherá a criança e proporcionará as estruturas básicas para atendimento às suas necessidades de desenvolvimento físico, emocional e mental.

Atuará também introduzindo-a na sociedade por meio das regras de convivência que se estabelecerão no dia a dia de uma sala de aula. Direta ou indiretamente, o profissional da educação estará permanentemente transmitindo valores e posturas diante da vida.

Você deve se lembrar de algum conselho que recebeu de um mestre e que mudou algo em sua história. Daquela vez, por exemplo, que você tirou uma nota baixa, e ele o incentivou a ser mais esforçado e a lutar com mais veemência por aquilo que quer, mostrando que é, sim, capaz.

Os professores estão presentes em alguns dos anos mais marcantes de uma pessoa, quando tudo é aprendizado.

Como o professor pode ser um agente de transformação social?

Sim, você já sabe que o professor é, de fato, alguém muito importante. Mas de que forma, efetivamente, ele pode e deve agir para ser um verdadeiro agente de transformação social? Continue a leitura!

Gerando conhecimento e reflexão

Cabe ao processo educativo, especialmente a partir do professor, despertar na criança o interesse pelos saberes da humanidade. O professor não somente se apropria do conteúdo do conhecimento, mas também amplia suas habilidades de transmiti-los.

Com uma boa metodologia, todo aprendizado pode se tornar mais fácil, mais atrativo. Encontrar formas criativas de transmitir conhecimento e propor discussões e atividades diversas a partir do conhecimento apresentado possibilita o estabelecimento de relações entre conhecimentos e reflexões importantes para o desenvolvimento da criança e do jovem.

Levantando questionamentos importantes

Por que, afinal de contas, as coisas são como são? Qual fator histórico gerou a realidade que temos atualmente? Como a natureza nos envolve e por que está reagindo aos estímulos humanos de determinada forma? Como todos nós, inclusive os estudantes que vão ser professores um dia, devemos agir para formar pessoas melhores e mais conscientes?

Esses questionamentos, tão diferentes entre si e, ao mesmo tempo, com tantos pontos em comuns, são exemplos do que costuma ser levantado em sala de aula pelos professores. Eles são de suma importância para que as pessoas reflitam sobre o mundo tal como ele é e em como poderiam atuar para trabalhar no seu próprio desenvolvimento e do entorno também.

Desenvolvendo o senso crítico

Na vida de um ser humano adulto, fazer escolhas, emitir julgamentos e tomar decisões são parte do dia a dia e estão presentes desde tarefas simples até as mais complexas.

No entanto, é preciso ter em mente que essas capacidades são fruto de um longo caminho de desenvolvimento, construídas desde a primeira infância a partir das ricas experiências vividas no brincar, dos diálogos que promovem o encadeamento de ideias, dos jogos e dinâmicas realizados em grupos, das narrativas de histórias cheias de significado com que as crianças podem ser presenteadas pelos adultos.

O trabalho consciente e responsável de um professor propicia à criança uma capacidade crítica autônoma e responsável, que conduzirá a julgamentos e decisões assumidos com consciência.

Formando cidadãos éticos

A valorização de uma formação voltada para a construção da ética é um dos grandes desafios do ambiente escolar na atualidade. No contexto atual, a formação ética não é apenas um conteúdo a ser estudado, mas um fundamento de todas as atividades da prática dos professores.

Trata-se de incorporar ações, diálogos e cuidados em todos os momentos do dia a dia de uma sala de aula. Mais do que isso, trata-se de uma atenção constante do professor sobre si mesmo, sobre suas próprias posturas, um cuidado com seu próprio desenvolvimento, para que as ações em sala de aula não se constituam somente de discursos vazios.

Trabalhando a capacidade de cooperação e argumentação sobre diversas situações

Não basta ter conhecimento e domínio sobre um assunto se você não souber argumentar sobre isso. A habilidade de defender um ponto de vista pode ser bastante desenvolvida no ambiente escolar, por meio de recursos como apresentação de seminários, trabalhos e debates sobre temas instigantes, propostos pelo professor.

A cooperação é outro tipo de atitude que os professores ajudam a cultivar. Isso ocorre nas mais diferentes formas, como em propostas de trabalho em grupo, no estímulo dado aos alunos para que se ajudem nas dificuldades com os conteúdos, nos cuidados com a sala de aula e com o ambiente escolar ou mesmo nas ações sociais que um professor pode promover. Um ambiente cooperativo em sala de aula desenvolve uma postura cooperativa que o indivíduo poderá levar para toda a sua vida adulta.

Importantes agentes de transformação social, os professores estão presentes em alguns dos anos mais importantes de uma pessoa. Eles transmitem os saberes acumulados pela humanidade, introduzem o indivíduo na vida cultural, transmitem valores e posturas que serão levados por toda a vida. Essa consciência, por parte do professor, é o que o leva a querer tornar-se um profissional em constante desenvolvimento.

Gostou deste artigo? Compartilhe-os nas suas redes sociais e ajude a mostrar a importância de valorizar esses profissionais tão importantes para a sociedade!

Posts relacionados

Deixe um comentário